SEGUIDORES

segunda-feira, 20 de julho de 2009

VII MOSTRA DE TEATRO FRANSCENDENTAL EM FORTALEZA




VII Mostra de Teatro Transcendental
A Mostra Brasileira de Teatro Transcendental chega à sua sétima edição com o tema "Ética" e será realizada entre os dias 18 à 23 de agosto, no Theatro José de Alencar, patrimônio histórico e cultural de Fortaleza (CE). A Mostra artística é realizada anualmente com fins solidários e envolverá, neste ano, seis espetáculos de companhias de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Rio de Janeiro e Ceará. Em 2009 o Sol vai brilhar novamente... Participe e ajude a mudar
a vida de muita gente...O Maior Evento Beneficente do Ceará.
VII Mostra Brasileira de Teatro Transcendental
Dia: 18 a 23 de agosto de 2009
Local: Theatro José de Alencar
Ingresso individual: 2 Kg de alimento não-perecível
* Dia 19/08 - Estréia com o Espetáculo
“O Amor Jamais Te Esquece”
O Espetáculo que revive o mais célebre julgamento da História, culminando na condenação e crucificação de Jesus, promete atrair o público cearense na abertura da VII Mostra Brasileira de Teatro Transcendental. Da companhia paulista Operários do Palco, “O Amor Jamais Te Esquece” é uma adaptação de obra homônima ditada pelo Espírito Lúcius ao médium André Luiz Ruiz e remonta a história passada há 2.000 anos em Roma e Jerusalém, revelando os bastidores do processo movido pelo clero judaico. Além de relembrar o amor de Jesus por Pilatos, antes e após o drama da crucificação, o “O Amor Jamais Te Esquece” remete a reflexões sobre o cotidiano, criando a possibilidade de o público repensar conceitos, valores e sua relação com a humanidade. . A peça desvela a personalidade de alguns dos seus principais protagonistas, entre eles Pôncius Pilatos, representante de César na Judéia, cuja omissão, simbolizada no lavar as mãos, ficaria eternizada na História.
* Dia 20/08 -Espetáculo “Quem tem Medo da Morte?” Leva humor e musicalidade...
Aproveitar a vida enquanto há tempo. Da Companhia Espírita de Artes Cênicas, da Comunidade Arte e Paz de Salvador (BA). O Espetáculo traz uma divertida apologia à vida. A peça leva ao palco, com música e humor, fantasmas e aparições que chamam a atenção dos espectadores para se preocuparem menos com a morte, aproveitando e valorizando o presente. buscam derrubar os clichês misteriosos que envolvem a vida após a morte. Apontam os conflitos sobre as influências invisíveis que cercam o ser humano e propõem ao público uma maneira singular de perceber a morte, que no espetáculo é tratada como um recomeço.
*Dia 21/08 -Espetáculo“Estranha Loucura” apresenta o invisível...
O espetáculo paulista “ Estranha Loucura”, uma adaptação da peça “A Estranha Loucura de Lorena Martinez”, do dramaturgo paraense Nazareno Tourinho. Apresenta a história de uma mãe de família que se descobre médium ao sofrer um processo obsessivo. Com uma proposta de apresentar o invisível como algo que pode ser sentido, a peça apresenta momentos de suavidade e fúria. O drama da protagonista Lorena Martinez é retratado nas cenas de estranhos acontecimentos que atingem a família Martinez. Vencedora do Primeiro Concurso Nacional de Dramaturgia Espírita pelo Núcleo Espírita de Artes Cênicas (NEAC).
* Dia 22/08- Espetáculo “02 de Novembro” emociona público ao encenar a Perda e o Encontro...
Uma das peças que promete emocionar o público é a “2 de Novembro”, que retrata a emoção de um reencontro entre mãe e filho. No roteiro do espetáculo, de Belo Horizonte (MG) de “2 de Novembro”, uma mulher de meia-idade, solitária e sem perspectivas, recebe a visita do filho único, que a deixou 10 anos antes. Um encontro onde se procura entender o porquê dos conflitos; das diferenças e por que o grande amor de ambos não foi suficiente para evitar momentos de dor na relação. “ 2 de Novembro” é baseada no drama da atriz Heloísa Duarte, que teve o filho assassinado quando saía de uma comemoração durante a estréia de um dos seus espetáculos. Por isso, boa parte das falas da atriz são confessionais e sinceras. Mesmo quem não faz idéia da biografia de Heloísa tem boas chances de se emocionar. A separação de filho e mãe no mundo real parece dar à intérprete o tom exato para construir a separação de filho e mãe no mundo ficcional.
*Dia 23/08 - Espetáculo “Inquieto Coração” encerra Mostra com Vida e Obra de Santo Agostinho...
O espetáculo carioca “Inquieto Coração” é uma das atrações que promete sucesso de público na VII Mostra Brasileira de Teatro Transcendental. O monólogo é um mergulho nas reflexões de Santo Agostinho sobre diversos temas ligados ao ser humano, como a natureza do amor, a busca da verdade e o conhecimento de Deus. “Inquieto Coração” leva ao palco os pensamentos de Santo Agostinho, uma das figuras mais importantes no desenvolvimento do cristianismo no Ocidente. A partir da adaptação de quatro das principais obras deixadas por Santo Agostinho: “Confissões”, “A Trindade”, “A Cidade de Deus” e “Solilóquios”, produzidas depois da ordenação de Agostinho a bispo de Hipona, cargo que exerceu por quase 40 anos. Mais do que um espetáculo biográfico, “Inquieto Coração” propõe um encontro entre os escritos deste primeiro homem moderno e o homem de hoje.

Um comentário:

LIVRO DIGITAL - LUIZ DOMINGOS DE LUNA disse...

IRMÃOS ILUMINADOS – HUMANOS NÃO TEM CONSCIÊCNIA CÓSMICA.
Luiz Domingos de Luna*
Ao contemplar o emaranhado Cósmico do Universo, todo ser humano se sente impotente diante de tanta existência, satélites, planetas, quasares, galáxias, buracos negros e uma infinitude que o pensamento dos seres humanos, mesmo para os mais brilhantes gênios da humanidade, fica sempre a pergunta para que tudo isto? Que engenharia é esta? Como foi feito? Por que foi feito, como? Existe até os mais audaciosos que perguntam realmente estamos sós? É assustador saber que os seres humanos com todo o conhecimento adquirido ainda não tenham respostas para: De onde viemos? Para onde vamos? Porque estamos aqui? Qual a Missão humana? Diante de tanta beleza inteligível da existência, penso que outros seres universais já ultrapassaram a inteligência humana há muito {de longe}. Pois a morte é algo muito obsoleto, a dependência dos seres humanos com o meio ambiente é muito grande, estes animais racionais precisam de água, ar, gravidade, alimento, só sabem viver em grupos, parece que estão sempre assustados. Esta dependência exagerada do meio ambiente é com certeza um atraso intelectual muito grande. É muita repetição. A dor, o sofrimento e a morte são provas cabais de que a humanidade não está pronta para ter o controle do universo. Porém, entendo que outros irmãos nestas alturas, já têm a chave do controle universal, de há muito, a posse do bóson de higgs, que jamais poderá ser encontrado em fissão de partículas, ou de aceleração em velocidade variada, ou não, visto, a força gravitacional forte da terra ser impedimento pleno. Até quando teremos que clamar pela caridade intelectual dos nossos irmãos iluminados, que com certeza estão rindo destes seres racionais, em tese, mas que não conhecem a razão da existência do universo em expansão. Seres humanos - os grandes construtores de desertos.

Aos Seres Humanos - Onda de Luz!
Quebrando correntes
No tempo a passar
Mistérios a desvendar
A todo o momento

Se tudo fosse diferente
Teria o ser humano
O pensar, um plano.
Da existência presente

Que show arriscado
De um palco sem fim
O infinito vem a mim
Ou já foi programado

Tanta existência
Quem vai usufruir
O tempo destruir
Ou há consistência

A Vida acompanha
As etapas da curva
Existe uma luva
De potência tamanha

Controlar o processo
De toda imensidão
É plenitude da razão
Ou pensamento, ao inverso.

É do ser humano obrigação
Conhecer todo o infinito
Ou existe um conflito
Buscando interrogação?

Já não é chegado
A hora de saber
Do universo o porquê ?
Na existência – postado.
(*) Professor da Escola de Ensino Fundamental e Médio Monsenhor Vicente Bezerra – Aurora (CE)