SEGUIDORES

quinta-feira, 14 de maio de 2009

PESQUISA -> RAÇA NEGRA DO BRASIL

--->RESULTADO DA PESQUISA
http://www.infonet.com.br/questaodomes/default.asp?id=11

1 - Os negros que alcançam o sucesso e a glória, como por exemplo Pelé e Ronaldinho, são mais racistas para com os de sua raça do que os brancos?
Sim: 56.45%
Não: 43.55%
2 - Não seria mais condizente afirmar que o 13/05/1888 estabeleceu o fim do regime escravocrata em vez da libertação dos negros da escravidão?
Sim: 74.19%
Não: 25.81%
3 - Ninguém nascido no Brasil pode ser considerado de raça alguma, seja branca, preta, amarela ou parda. Portanto, ser racista neste país, além de ser criminoso, é ser tremendamente ignorante?
Sim: 90.32%
Não: 9.68%
4 - O sistema de Cotas adotado pelo governo aumenta ainda mais o preconceito?
Sim: 79.03%
Não: 20.97%
5 - As propagandas veiculadas no estado, que refletem a visão do país, trazem o negro como uma figura esporádica ou muito rara, quando não escassa?
Sim: 69.35%
Não: 30.65%
6 - Se os colégios da rede pública tivessem o mesmo nível de ensino das escolas particulares, no mercado de trabalho, o preconceito seria menor?
Sim: 74.19%
Não: 25.81%
7 - As novelas brasileiras são racistas?
Sim: 75.81%
Não: 24.19%
8 - Na Igreja Católica há preconceito contra o negro?
Sim: 67.74%
Não: 32.26%
________________________________________
------------------------------------------>
ANÁLISE DO RESULTADO DA PESQUISA
Análise do Resultado

Para a grande maioria dos participantes o 13/05/06 apenas decretou o fim do regime escravocrata, mas não garantiu ao negro o acesso à cidadania e em virtude da grande diversidade dos imigrantes, ninguém nascido no Brasil pode ser considerado de raça alguma.

Outro ponto a considerar é que, segundo a maioria dos participantes, se os governos federal, estaduais e municipais melhorassem a qualidade do ensino nas escolas públicas, não seria necessário criar o Sistema de Cotas nas Universidades, o que aumenta o preconceito.

O Estado nas suas propagandas, as novelas brasileiras e a Igreja Católica, também para a maioria dos participantes, trazem o negro como uma figura esporádica ou muito rara, quando não escassa.

Os negros que alcançam o sucesso e a glória esquecem sua origem? Os participantes estão divididos sobre a questão.
13 DE MAIO

No dia 13 de maio de 1888, a Princesa Isabel assinou a Lei Áurea, que decretou o fim da escravidão no país. A partir daquela data, negro algum poderia ser escravizado pelo senhor branco.

Apesar de uma grande parcela da população brasileira ser constituída pelos negros, qual é a sua participação na vida do país? Na religião, principalmente na religião católica, quantos negros são cardeais, bispos e madres superioras? Na política, quantos negros são prefeitos, governadores, vereadores, deputados e senadores? Nas universidades, quantos são os alunos e os professores negros? Na atividade econômica, quantos são os chefes, gerentes, diretores e proprietários negros?



A RAÇA NEGRA NO BRASIL
Finalmente, alguns comentários dos participantes:

O negro brasileiro tem que saber lutar, se agregar, se organizar, ter o espírito de luta, se ver como cidadão e requerer todos os seus direitos.

Povo e Governo, de quem é a culpa? (pelo Brasil, que receio nunca ser um grande país, pela falta de caráter de alguns)
No item 6 marquei sim por falta de opção, pois, acho que a pergunta deveria ser: Se os colégios da rede pública tivessem o mesmo nível de ensino das escolas particulares, haveria a necessidade de cotas para negros? Digo isso porque acho que os brancos de escolas públicas sofrem o mesmo problema dos negros ao tentarem o vestibular. O ensino público é defasado para todos não só para os negros.

O fato é meio intrigante, afinal, não se pode responder essa pergunta, pois a raça negra hoje em dia é considerada uma bela raça por alguns devido as suas tendências físicas, dai vem um dos porquês deles serem tanto usados em propagandas. Outra coisa que não pode deixar de ser notada é que se for ver bem os mais racistas são os próprios negros, pois só por causa do fato ocorrido (a escravidão) eles se acham no direito de exigir mais no que se diz a respeito, só o que eles não vêem é que assim como se pode chamar uma criança de ´´neguinho´´ hoje em dia também a outra pode ser chamado de ´´branquelo´´.

O racismo já se transformou em uma questão cultural desde Brasil-colonia. Esse racismo já se encontra no DNA de cada um de nós. É vergonhoso.

Honestamente, na minha ótica a cor é o que menos importa. Todo mundo tá careca de saber que no fundo da questão está o fator histórico econômico e social. Pergunte a um negro rico se ele se sente discriminado, ele com certeza tem auto estima suficiente para se sentir bem com sua cor. A grande maioria dos brasileiros rotulados como negros e pobres sentem "na pele" não a sua cor, mas a sua baixa estima por sua condição de inferioridade histórica. A questão é social e é só pesquisar um pouco mais os anais da história para compreender. Não importa a cor do brasileiro, todos aqueles que nascem em famílias que estão na linha da pobreza, que não podem usufruir de recursos pra comprar bons livros, pra ir a um teatro ou cinema. Enfim, entendo que a cor não faz ninguém menos ou mais capaz que outro. Acredito que o caminho mais curto para qualquer cidadão, não importando a sua cor, atingir sua independência de fato está na sua formação. Brasileiro - é essa a minha raça. Educar-se é essa a saída.

PATRIOTISMO QUE SE VÊ SÓ NO ANO DA COPA, QUANDO DEVERÍAMOS SEMPRE VESTIR A CAMISA DO NOSSO PAÍS.
Não é com a cor que se percebe o caráter das pessoas. Eu sei que infelizmente o racismo existe, mas ainda fico muito assustada quando vejo alguém ser discriminado, porque graças a Deus tenho uma família que desde cedo me ensinou que não existe essa diferença, que preconceito é ignorância pura e que o respeito e o amor ao próximo independe de cor, religião... Acho que falta mais amor ao próximo do que nunca.

Em nosso país o preconceito racial é muito explicito, apesar da hipocrisia de todos. Mas na verdade os negros são na maioria racista dependendo da sua classe social como por exemplo o Pelé e outras figuras brasileiras para a vergonha da nossa nação.

Infelizmente ainda existe um grande preconceito em relação ao negro, apesar dos avanços e da crescente expansão da raça negra em todos aspectos gerais, ainda é muito pouco o espaço alcançado em números, entretanto não se deve ser tão radical ao ponto de achar que ainda estamos vivenciando um sistema escravocrata no Brasil, penso que o pior já passou, mas ainda é necessário mudar muito mais, afinal a pouco mais de um século foi que o negro passou a ser encarado como gente igual e com todas condições em relação ao branco.

Os negros ainda aparecem de forma esporádica nos meios de comunicação e nas orbes de poder da sociedade. Um dos grandes motivos disso é o preconceito existente herdado de eras e eras, que ainda se encontra impregnado na nossa sociedade. E este preconceito não será combatido com "Propaganda" - Seja bom com os negros! E sim com atitudes que ajudem a diminuir a desigualdade de oportunidades existentes, tal qual as cotas nas universidades, infelizmente como quase tudo no Brasil, onde se empurra as coisas com a barriga ou simplesmente se dá um sorrisinho cínico e diz que aquilo não existe...Quantas pessoas você já ouviu falar com este sorrisinho que : "Aqui não tem racismo!". Graças ao comportamento desta categoria temos que executar medidas como as das cotas que outros países fizeram no século 19 ou 20 e nós ainda relutamos e lutamos contra em pleno século 21.

A escravidão não acabou, existe mão-de-obra barata, assim como nos campos, lavouras, por isso é preciso dizer que os negros foram libertados, porque o regime escravocrata continua.

Sabemos também que o maior preconceituoso é o negro, onde se deixa manipular por uma classe que se diz branca.

A primeira pergunta é um tanto quanto complicada, pois não considera o tipo de racismo. Acho interessante o Pelé vestir uma camisa "orgulho de ser negro" e depois só procurar mulheres loirinhas. Não acho que eles são mais racistas, mas os acho hipócritas tal como os brancos, amarelos, pardos, marrons, verdes, vermelhos... enfim... são pateticamente hipócritas como todo ser humano.

NEGRO É NEGRO É BRASIL
O IMPORTANTE SEMPRE TECER COMENTARIOS A RESPEITO DA RAÇA NEGRA QUE NO BRASIL NÃO CONHECEMOS... AS PESSOAS ESTÃO EQUIVOCADAS QUANTO AO RACISMO NO BRASIL NÃO TEM RAÇA PREDOMINANTE...

Na verdade no Brasil o racismo é camuflado tanto pelos brancos, como pelos pretos. Não vejo razão para tanta polêmica em nosso país.

EU ENTENDO QUE O CASO NAO É SER BRANCO OU PRETO... O PROBLEMA CONSISTE NA FALTA DE OPORTUNIDADE... SE VOCÊ É BRANCO, MAS É POBRE, QUAL A OPORTUNIDADE QUE VOCÊ TEM? O PROBLEMA CONSISTE NAS OPORTUNIDADES. SE FOR RICO, TANTO FAZ SER BRANCO OU PRETO. AS OPORTUNIDADES SAO IGUAIS. VALE QUEM TEM............

Só acaba o preconceito, não só no Brasil como no mundo, quando o homem esquecer que existe cor da pele raça religião etc. e valorizar o homem em si pelo o que ele é.

Só para ressaltar que todas as perguntas são subjetivas, um simples "sim" ou "não" não responde corretamente.

Não acredito que o sistema de cotas, seja algo de grade valia. Pois é impossível "escolher" quem tem direito ou não apenas pela cor da pele. Uma pele mais clara não significa necessariamente que aquela pessoa não tenha descendência negra!

Não é a cor que impede que o negro seja: prefeitos, governadores, vereadores, deputados e senadores e outros, na verdade, é que vivemos em um país com grandes desigualdade sociais. Temos que parar de colocar a cor como desculpa.
Não só na igreja como em todos lugares existe o preconceito, mas isso só parte de pessoas ignorantes.Quem não tem sangue negro aqui no Brasil?

Claro que as pessoas são racistas. Algumas disfarçam, mas deixam claro que pobre e preto neste país tem que ralar muito para sobreviver.

PERGUNTEM AOS NEGROS SE "REALMENTE" ELES SE SENTEM INJUSTIÇADOS, NESSE PAÍS QUE É DE TODOS E DAR OPORTUNIDADES IGUAL A TODOS. É SÓ IR A LUTA.
O NEGRO É ANTES DE TUDO GENTE. NÃO MERECEM SER EXPOSTOS COMO COITADOS E CARENTES. É PRECISO QUE SE DIGA QUE BRANCOS E NEGROS TEEM A MESMA CAPACIDADE ESTUDANTIL, PROFISSIONAL, DE CARÁTER, SOCIAL, ETC. ETC... É HUMILHANTE VER QUE MUITOS TRATAM OS NEGROS COMO SEGUNDA OPÇÃO E QUANTO AS OUTRAS RAÇAS? OS INDIOS, DONOS NATURAIS DA TERRA, ONDE ENTRAM NISSO? SÓ PORQUE NÃO FAZEM BARULHO E REINVIDICAM, SÃO DEIXADOS DE LADO? É BOM QUE TODOS TENHAM EM MENTE QUE BRANCO, PRETO, INDIO, MAMELUCO, CABLOCO, ETC, ETC., SÃO TUDO UM COISA SÓ: SER HUMANO. E PONTO FINAL.

O preconceito existe e a forma mais apresentada é a mais humilhante possível, que é o racismo implícito, onde as pessoas escondem suas verdadeiras posições! Acredito que com muita coragem e determinação conseguiremos extinguir esse sentimento sujo e ignorante, de uma população que ajudou muito esse país e ainda hoje forma a base de uma nação.

O preconceito é claro que existe, mas temos que admitir também que, em sua maioria, o próprio negro não se valoriza, pois no dia-a-dia quase sempre ouvimos frases desse tipo: "Sou negro, mas tenho vergonha na cara", Até parece que a cor da pele, dos cabelos ou os nossos lindos olhos vai nos garantir alguma virtude... Há um ditado que diz:"papel higiênico também é branco, mas, o que fazemos com ele?" Resumindo: Eu acho que esse negócio de preconceito, é para gente que não tem o que fazer, pois para DEUS, todo mundo é humano e fim de papo!

"Alma não tem cor"

Independente de religião há vários tipos de preconceito no mundo, e a pior com certeza é contra os negros é claro. Porém existem várias pessoas famosas negras que contribuem para isso. Basta observar entre jogadores de futebol e pagodeiros de pele escura que é casado, namorado ou outra coisa qualquer com negras, isso é raro de encontrar. Estou generalizando os famosos, porque são os que estão na mídia e os negros "não famosos" se observarem bem, são poucos que se casam também com uma negra. Os negros na maioria deles são os próprios racistas, com raras exceções é claro. Esse é o meu ponto de vista.

Nós sabemos que os próprios negros são preconceituosos consigo mesmos, nisso nascem ainda mais outros tipos de violência, como na Policia, por exemplo, o negro é logo algemado, enquanto que um branco tem direito de dialogar, muitas vezes para se irritar e a policia faz isso para que ele desacate e seja preso, não sei se me fiz entender, mais uma outra sugestão para o tema seria Policia x Brancos ou Policia X negros.
A raca negra na TV?
oi pessoal, sou africana e gostaria que me respondessem porque que os actores de novelas negros ai no Brasil so fazem papeis de escravos e empregados domesticos? Ate a o Foguinho e a Ellen que ja sao ricos tinham que ser bandidos? Tantos anos depois do fim da escravidao?

Os escravos eram pobres e hoje a maioria dos negros são pobres, então a tv esta indo pela maioria. Apesar de que isso so fez piorar a situação dos negros no país
Avaliação do autor da pergunta:
A escravidão não tem nada relacionado com bandidagem - pelo contrário ,os ladrões não foram eles - , Quanto a escolha profissional ,não sobra muito mesmo para os que não se preparam para o mercado de trabalho.Sabe já ouviu falar de um povo que veio buscar por essas mandas "as preciosidades da terra?",minha cara isso ainda e o resquício da fúria colonizadora . Mas,vai passar .Ah! se vai.
o
*SINCERAMENTE NÃO SEI TE RESPONDER !* ATÉ QUE EU TAMBÉM GOSTARIA DE SABER , POIS SOU AFRODESCENDENTE ! EM CASO DE NOVELAS DE ÉPOCA DA ESCRAVIDÃO EU CONCORDO ,MAS FORA DISSO ACHO QUE É INJUSTIÇA SIM !*
Porque a maioria das pessoas que ocupam estas posições sociais no Brasil, são de origem africana conforme voce mesmo pode observar.
Mas isto não ocorre por imposição ou decreto governamental colocando estas pessoas nestas posições.
Este pais, o Brasil, ainda continua sendo uma democracia, um pais livre, onde as pessoas podem se autodeterminarem. Somos quase 200 milhões de pessoas e a TV retrata apenas alguns aspectos sociais que não correspondem a verdade e sim a fantasia, a visão de seus idealizadores tendo como base a critica social e comportamental de um modismo em determinado momento.

Isto nada tem com escravidão, mas na integraçào cultural, social e politica.

Poderiamos nos alongar mais sobre este assunto. Mas creio que não seria este o canal mais apropriado para faze-lo.

Um grande abraço


É que as emissoras de televisão brasileiras são uma mer.da!
Vai demorar pra cairem na real! Mas novelas são uma mer.da, mas mesmo assim deviam ter personagens de negros médicos, dentistas, professores, empresários, atletas. Infelizmente a porcaria da Globo e as demais redes de televisão não valorizam o negro e passam isso para o público nacional e internacional!!!!!!!!
o
Amiga, bem lembrado.
E ainda satirizam o Foguinho ne ?
Sabe esse preconceito embutido e disfarçado que 98% das pessoas tem ? Deve ser isso que interfira na ora da elaboracao dos textos/novelas/personagens.


o
é mesmo arminda c,eu tambem queria saber...
o pessoal da televisão mesmo fala que racismo é crime,mas isso que eles fazem tambem é um tipo de descriminação,nem todo negro,é bandido,escravo e empregados domésticos!thalzinho!
Você generalizou pois temos várias novelas e boas que tem bastante bons atores e atrizes negras em papel de destaque, não seja preconceituosa tanto com os negros e brancos , amarelos , pois aqui no Brasil somos 99% de raça não definida, ou seja todos nós somos mestiços.
o
uê vc assisti páginas da vida?

tem uma q é negra e é médica.....

vc sabia q eu acho q os negros, gostam é de intrigas com os brancos, pq se for assim pq será q a Juliana Pães foi empregada na 1ª novela q ela fez, nada haver!!!!

pq é negro tem q fazer papel de pobre... nada haver!!!!
CONCORDO.
Televisao comercial sao super racistas.
E a gente perde o tempo da gente assistindo isso.

Qdo estou no Brasil so assista a Tv Cultura.

Um comentário:

Hura disse...

O racismo no Brasil ainda vive no inconsciente dos mais variados gestos em nossa sociedade. E na busca para obter mais informações sobre o assunto, é importante expandir nossas fontes para obter uma visão englobada da historia. Sugiro este link: http://www.martinsbenperrusi.com/crbst_41.html